Musica e Poesia de Alberto Cuddel

 

Ou um Maldito Poema

Tenho lido poemas, que são tudo
Menos poemas, não acrescentam nada
Apenas contam amores a putas
Ou a outras como as demais, – carentes…
Tenho lidos poemas, que são tudo
Menos poemas, palavras soltas
Que contam lamurias, desgraçadinhos
Sem sorte abandonados à morte


De um amor que nunca foi
Apenas desejos de amarrotar lençóis…
Tenho lidos poemas, que são tudo
Menos poemas, não nos fazem sentir
Crescer ou evoluir, sem beleza
Sem nenhuma tristeza, tão pouco tesão
Palavras soltas sem educação…
Também tenho lidos poemas
Que são tudo menos poemas
Que raivosamente rasgo
Por serem meus… vómitos desgraçados
De uma vaidade egoísta…
Mas tenho lido poemas que são hinos
E me fazem sonhar…
Adormecer a chorar…
E esses não são meus,
Esses poemas são apenas teus…
Alberto Cuddel

Deixar uma resposta